Janela

Data
Apr 10, 2011 2:48 PM (GMT)
Categoria
poesia
Autor
Rodrigo Franco

Uma mosca vivia seu voo uma fruta e a janela aberta Enquanto o sol batia nos prédios, outros astros viviam os seus E assim cada um tira do todo o que lhe convém ser de direito E assim fecho a janela e nada mais me parece