Viva

Data
Jan 27, 2009 8:13 AM (GMT)
Categoria
poesia
Autor
Rodrigo Franco

(Para Chris) Seu uso, flor é desbravar cadeias de sentimentos, presos ao léu de seu peito Seja pura como nasceu e verá como eram serenas as coisas da vida Seja crua como eu e terá, nua, a sua revelação E viva.